Ir para o conteúdo
Planos Odontológicos

Como escolher um plano odontológico?

Leitura: 4 min
699 visualizações

Em busca do melhor plano odontológico para sua família, mas nem sabe por onde começar? Normal, hoje são tantas as opções disponíveis que pode parecer difícil escolher.

Melhor para o consumidor, que conta com um variado leque de preços e serviços. No entanto, com as dicas que separamos para você vai ficar fácil se decidir. Veja como escolher seu plano odontológico e sorria à vontade!

Como escolher a cobertura do plano odontológico

O primeiro passo em direção à contratação de um plano odontológico é pensar o que você espera dele. Claro, por mais saudáveis que sejam seus dentes, a verdade é que ninguém está livre de uma cárie ou canal. Por isso, esses serviços essenciais são indispensáveis.

No entanto, alguns outros podem ou não fazer parte do seu plano odontológico e encarecer a mensalidade sem necessidade se você não estiver planejando usar.

Por exemplo, o que conta mais para você, serviços estéticos, como clareamento e ortodontia, ou cirurgias e próteses? Costuma viajar com frequência ou o plano pode ser apenas regional? Analise com calma e de forma realista o que você realmente precisa para fazer a escolha certa.

Além disso, confira se todos os procedimentos que você precisa são realmente cobertos pelo plano. Sempre compare as propostas de uma operadora para outra.

radiografia dos dentes

Busque por diferenciais no plano odontológico

Por outro lado, preste atenção aos diferenciais ofertados por cada plano odontológico. Alguns oferecem carência zero, outros descontos nos primeiros meses ou cobertura extra de algum serviço.

Assim, se você já tem um dentista de sua preferência, pode ser interessante escolher um plano odontológico que trabalhe com reembolso.

Nesse caso você pode continuar frequentando o profissional escolhido mesmo não pertencendo à rede credenciada e receber o valor gasto de forma integral ou parcial.

Pesquisa o plano no site da ANS

Todos os planos odontológicos devem estar devidamente registrados na Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), reguladora de todas as operadoras. Só com o registro você terá direito às garantias e coberturas previstas em lei.

No site da ANS você encontra várias informações sobre os planos odontológicos. No site você tem encontra dados importantes, como o Índice de Reclamações e o Monitoramento da Garantia de Atendimento.

Então aproveite e faça uma busca também no Procon Online. É interessante ficar por dentro das principais reclamações registradas antes de assinar o contrato.

Muita atenção ao contrato

Por falar em contrato, também é muito importante prestar atenção em todos os detalhes antes de assinar. Assim, confira o valor das taxas e da mensalidade, se há previsão de aumento de valor em algum tratamento e também quando será reajustado.

Por isso, tenha certeza de que todas as informações acordadas entre você e o corretor estejam explicitadas no contrato de forma bem clara. Se houver alguma dúvida, não assine até que ela seja esclarecida.

depois da consulta ao dentista

Confira a rede credenciada da sua cidade

Emergências odontológicas acontecem quando menos se espera, por isso opte por um plano que tenha rede credenciada próximo de você. Confira os dentistas e suas especialidades, a localização das clínicas e laboratórios.

Dessa forma, evite se guiar apenas pelo preço do plano odontológico. De nada adianta ter uma cobertura que você não precisa e faltar na hora da necessidade.

Assim, ficando de olho nessas dicas será bem mais fácil escolher o melhor plano odontológico para o seu perfil.

Na dúvida, peça uma cotação sem compromisso e fale conosco. Nossos consultores são as pessoas mais indicada para esclarecer qualquer dúvida!

Recomendado para você:

Postagens mais vistas:

Faça um orçamento: