Ir para o conteúdo
Planos Odontológicos

Como um implante dentário faz você ser um melhor amante

Leitura: 4 min
324 visualizações

Problemas bucais podem levar a dificuldades de relacionamento – que podem ser facilmente resolvidos com um implante dentário. Por mais segurança que tenhamos, alguns eventos podem acarretar em baixa autoestima, mesmo que não seja facilmente identificada a princípio. Nessas horas, o acesso a um atendimento de qualidade, através de um plano odontológico, pode fazer toda a diferença.

Pouca gente imagina, mas a falta de um ou mais dentes interfere no funcionamento de todo o organismo. Veja como um simples implante dentário pode melhorar sua qualidade de vida, influenciando até mesmo nos momentos mais íntimos.

Como a saúde bucal interfere no resto do organismo

Você já parou para pensar que os dentes funcionam como uma linha de produção? E não é à toa que eles são diferentes entre si: cada um tem uma função específica.

Por isso, é comum quem não tem um ou mais dentes acabar com problemas de estômago. A saúde bucal interfere diretamente no restante do organismo.

Assim, mais do que um problema meramente estético, a falta de dentes é também uma questão de saúde. Como os alimentos não chegam triturados da forma devida ao estômago, podem aparecer problemas como gastrites e até úlceras.

implante dentario

O que é um implante dentário

A verdade é que qualquer pessoa está sujeita a perder dentes. Pode ser por causa de um acidente, por excesso de determinados medicamentos ou naturalmente com a idade.

Com a modificação do sorriso, a autoestima também diminui. Afinal, ele é nossa marca registrada, nosso cartão postal.

Muitas vezes começamos a nos retrair, a evitar determinadas situações e, nos casos mais graves, pode haver um isolamento social.

A interferência na vida íntima é direta, mas poucas pessoas conseguem relacionar uma coisa com a outra a princípio.

É aí que entra o implante dentário, uma forma prática e eficiente de resolver o problema.

Conheça os tipos de implante dentário

Com os planos odontológicos o implante dentário está cada vez mais popular. Quem vai determinar o melhor tipo é o dentista especialista, que é cirurgião dentista.

  • Implante convencional – São os mais usados e atendem à maioria das necessidades.
  • Implante curto – É usado nas regiões em que há pouca massa óssea para fazer o implante convencional. É usado ainda quando o paciente não quer fazer um enxerto.
  • Implante pterigóide – São fixados na região posterior do maxilar. São maiores que os convencionais e é indicado para quem teve muita perda óssea. Só pode ser colocado na parte superior da boca.
  • Implante zigomático – São os fixados na “maçã do rosto”, ou seja, no osso zigomático. Só pode ser feito em hospital sob anestesia geral.

implante dentário

Como é realizado o procedimento

O implante dentário pode ser feito em qualquer pessoa que perdeu um ou mais dentes, sem contraindicação. Alguns casos, no entanto, precisam de uma avaliação mais cuidadosa:

  • Fumantes inveterados (20 cigarros ao dia ou mais);
  • Se o paciente sofre de doenças ósseas;
  • Se tem diabetes descompensada;
  • Hipertensão descompensada.

O implante dentário não dói, porque é sempre realizado com anestesia e três dias depois a mastigação já está normalizada.

Plano odontológico cobre ou não implante dentário?

O implante dentário é considerado um procedimento estético, por isso não há cobertura obrigatória por parte do plano odontológico. No entanto, vários deles oferecem o procedimento, enquanto outros criaram planos exclusivamente para a cobertura estética.

O melhor é avaliar qual a sua necessidade e conversar com calma com um vendedor para fazer a contratação do melhor plano odontológico para você.

Faça uma cotação online e converse com um dos nossos especialistas. Ele vai encontrar o plano certo para o seu caso!

Recomendado para você:

Postagens mais vistas:

Faça um orçamento: